segunda-feira , 11 de dezembro de 2017
Início / Notícias / Execendente do concurso de Tutóia vai entrar na justiça contra a prefeitura, Alegando parcialidade na convocação

Execendente do concurso de Tutóia vai entrar na justiça contra a prefeitura, Alegando parcialidade na convocação

Excedente do concurso  sente-se lesado e  vai entrar na justiça contra a prefeitura de Tutóia MA.

(Continua depois do anúncio)

João Soares é apenas mais um , inconformado  com a chamada dos excedentes no concurso de Tutóia MA. O mesmo tem certeza que houve parcialidade na convocação dos nomes,  pois o seu nome estava na segunda colocação na areia para OSD no polo 1 e mesmo assim não foi chamado. João Soares afirma que foi contratado pela prefeitura assinando um contrato como porteiro e exercendo funções de OSDS . Ele afirma que essa era uma estratégia para burlar a chamada e não chamar os excedentes OSD,   sendo que o Prefeito contratou muitos para a área referida . Vendo que poderia reverter da situação, entrou com uma ação contra a prefeitura,  para que seja revista a convocação e consequentemente a possível inclusão  de seu nome na lista

  • Porque não foi chamado nenhum execendente para a Areia dos serviços Gerais? 

  • Porque houve mesclagem dos nomes á ser chamados?


“Olá senhor Leandro, venho aqui para expressar minha indignação com a parcialidade do atual prefeito para com as chamadas do concurso, parece que ele fechou os olhos para a educação, onde há necessidade de preenchimento de funcionários capacitados, precisamente osd, Eu sou a prova que existe vagas, pois ele nos contratou como porteiro para máscara há necessidade de funcionários osd,no papel éramos porteiros, mas execiamos funções de osd e merendeiros.”

Texto: João Soares

Sobre Leandro Rocha

Leandro Rocha

Veja também

O Movimento ” Tutóia não quer presídio ” vai às ruas contra a instalação da unidade prisional de ressocialização implantado no município de Tutóia MA.

Hoje , 20 de Novembro,  a sociedade civil organizada com o Movimento “Tutóia não quer …