Em áudio, mulher ameaça população de Araioses: “a cidade será invadida por uma facção”

Facção.png

Neste sábado (05/10), um áudio começou a circular pelos grupos de redes sociais de Araioses. Nele, uma mulher que se identifica como Valéria e diz morar em Água Doce do Maranhão, protesta contra boatos que circulavam de que o filho de uma senhora conhecida como “Paradinha” iria cometer um atentado terrorista na escola Tudes José Cardoso, em Araioses.

“Valéria” diz que os filhos de “Paradinha” (incluindo Alisson, o “Zambeta”, que foi linchado pela após cometer um assassinato) estão sofrendo injustiça e que a população de Araioses é terrorista.

Ela defende Alisson dizendo que “se fosse pra matar quem já matou, muita gente já tinha morrido [sic]”, questiona: “quantas pessoas não são assasino e estão vivo [sic]” e complementa: “ali foi dois rapazes que tentaram se matar e aí como o outro ficou indefeso -o outro foi mais esperto- aí fez a parte dele como qualquer um faria. Se defender [sic]”.

A mulher finaliza o áudio dizendo “e ao pessoal de Araioses, parem de julgar o filho da ‘Pardinha’, porque não é ele que vai invadir a cidade de Araioses, não […] Não era pra mim estar falando esse áudio, porque eu fui proibida de falar alguma coisa […] Quem vai invadir Araioses é uma facção.

Em breve, teremos mais esclarecimentos sobre esse caso. Ouça o áudio, na íntegra, abaixo:

Plantão Policial

Plantão Policial

As principais notícias polícias da cidade de Araioses e região, sempre levando a verdade e a credibilidade até você leitor.

scroll to top
Open

Portal Panorama