terça-feira , 21 de agosto de 2018
Início / Notícias / Araioses / Na madrugada: homem é assassinado com requintes de crueldade em Araioses

Na madrugada: homem é assassinado com requintes de crueldade em Araioses

Por volta das 02h da madrugada deste domingo (24/06), uma briga envolvendo Wallison Silva Araújo, vulgo “Zambeta”, de 19 anos e um rapaz que, segundo informações preliminares, é conhecido como “Dodó”, identificado como neto de Antônio Sansão, culminou na morte de “Dodó”.

Vítima – Imagem: redes sociais

O motivo da desavença ainda é desconhecido, mas o estopim para o assassinato, segundo a Polícia Civil de Araioses, foi o fato de a namorada do suspeito ter sido atingida pela vítima durante o confronto. Então, por volta das 05h da manhã, Wallison desferiu vários golpes de arma branca contra a vítima, que morreu na hora.

(Continua depois do anúncio)

----Fim do anúncio----

Em obediência ao art. 212 do Código Penal, não podemos exibir essa imagem de forma explícita.

Wallison já foi apreendido uma vez, quando ainda era menor, suspeito de assassinar a senhora Maria Ataíde em Araioses.

A Delegacia de Polícia Civil de Araioses está realizando as investigações necessárias para solucionar o caso. Segundo o delegado, Dr. Raphael Reis, a DPC já está em diligência para capturar o suspeito.

Wallison, suspreito – Imagem: redes sociais

Se você tiver alguma informação sobre o paradeiro de Wallison, pode ajudar as autoridades policiais da cidade, de forma anônima, através dos contatos abaixo.

(98)98613-8877 – Delegacia de Araioses (WhatsApp Denúncia)
(98)98917-9449 – Delegacia de Araioses (celular)
(98)3478-1567 – Delegacia de Araioses (fixo)
(98)99614-6295 – Viatura da Polícia Militar

Com informações do Dr. Raphael Reis, Delegado de Polícia de Araioses.

Sobre Jonatan Aguiar

Jonatan Aguiar
Nascido em Praia Grande-SP, moro em Araioses desde 2002. Sou repórter e Diretor Geral do Portal Panorama.

Veja também

Homem cai do alto do teto de igreja em Araioses

Na manhã de hoje (09/08), o pintor Assis Fonseca caiu do alto do teto, próximo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open