quinta-feira , 20 de setembro de 2018
Início / Notícias / Brasil / Jair Bolsonaro leva facada durante campanha em Juiz de Fora

Jair Bolsonaro leva facada durante campanha em Juiz de Fora

Bolsonaro é furado com uma faca no ato da campanha/Reprodução: Correio Bahia

O candidato do PSL à presidência, Jair Bolsonaro, levou uma facada na região da barriga durante um ato de campanha em Juiz de Fora (MG), na tarde desta quinta-feira (6). Um suspeito foi preso.

Os apoiadores levaram  o candidato a Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora. “Uma Lesão corporal com material perfurante na região do abdômen” informou o hospital.

(Continua depois do anúncio)

----Fim do anúncio----

O agressor foi preso em flagrante e conduzido para delegacia da Policia Federal daquele município. Instaurado o inquérito a policia apura as circunstância do fato. Suspeito de cometido o ato da facada é identificado pela PM como Adélio Bispo de Oliveira.

A imprensa mundial noticiaram a facada recebida pelo candidato a presidente pelo PSL Jair Messias Bolsonaro.O “New York Times” destaca que “Bolsonaro estava sendo carregado por apoiadores no meio de uma multidão em Juiz de Fora, uma cidade no sudeste do Brasil, quando uma pessoa avançou em sua direção e apareceu para espetar uma faca no seu peito, de acordo com um vídeo do ataque compartilhado pelos meios de comunicação”.

Adélio Bispo de Oliveira foto divulgada pela PF/Reprodução: G1

A Polícia Federal informa que o candidato à Presidência da República, Jair Messias Bolsonaro, contava com a escolta de policiais federais quando foi atingido por uma faca durante um ato público na cidade de Juiz de Fora/MG.

O agressor foi preso em flagrante e conduzido para a Delegacia da PF naquele município. Foi instaurado inquérito policial para apurar as circunstâncias do fato.

Com informações do G1

Sobre Mateus Coutinho

Mateus Coutinho
Tenho 19 anos e moro em Araioses-MA. Sou redator e diretor comercial do Portal Panorama.

Veja também

Juiz determina que inquérito contra Carlos Lula seja arquivado em Investigações que apontam desvio de verbas da saúde no Maranhão

O desembargador do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, Néviton Guedes determinou, no dia 13 …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open